22.3.07

Poesias são rios de (boas) palavras...

Ontem foi também Dia Mundial da Poesia, mas se todos os dias deve ser "eliminada a descriminação racial" (e estes dias apenas ajudam a que se fale mais nas coisas), também a poesia pode e deve ser consumida sempre que a alma nos peça.

E esse é só um pretexto para referir o "meu" poeta...
Como gosto do que este homem escreve!!!


"Ninguém nos ensinou a usar
Nada do que recolhemos pelo caminho
Perto das ilusões
Entre o amor e as razões
Perversas"

1 Comments:

Anonymous qualquer coisa said...

Ligo eu ...

Como não podia deixar de ser ...


Tb gosto das palavras deste homem!!!


Fui ver o concerto da Malaposta!

bjs

quarta-feira, março 28, 2007 3:16:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

  • Cenas de Sissi
  • Blue-Kite
  • A Pipoca Mais Doce
  • ATIPICO
  • Chuva,Frio,Calores...
  • Controversa Maresia
  • Espero bem que não-Alvim
  • Navegante da Rua
  • Noite Estrelada
  • No Reino de Carlota Joaquina
  • Palavras Soltas (da Joaninha)
  • Papoila
  • Prova Oral
  • A vida da Silver dava um Blog
  • Barbos e Bordalos
  • Cruxices
  • Da varanda do D'Artagnan
  • El Coruchero
  • Espaço Clean (Peter Danny)
  • Estórias do Fogareiro
  • Lurainbow
  • Matilha (querida)
  • Passado,Presente e Futuro
  • Ao Sul
  • Blogging After Dark
  • Blogo-Terapia da Rita
  • Bubblebath
  • Churrascos & Comentários
  • H2O
  • Isto Vai de Mal a Pior
  • Pandora's Box
  • Seamoon
  • Straight from Xana's Heart